Campos e Cunha, o economista semiótico

 

 

Soube pelo post "Quem tem medo das agências de comunicação" de Estrela Serrano, no seu blog Vai e Vem, que o ex-meteórico ministro Campos e Cunha, depois de ter falhado a sua carreira de político, decidiu dedicar-se à análise de spin, com a devida proposta de exorcismo dos "spin doctors". Apesar dos termos da análise serem tratados com inegável superioridade por Pacheco Pereira, não consegui deixar de me comover com o seu quixotesco sonho de "um mundo ideal sem agências de comunicação." Poderia o mundo ser melhor? Poderia, mas não seria a mesma coisa.

Quanto à defesa do sector e a explicação desassombrada do papel dos consultores de comunicação, Estrela Serrano fá-lo melhor que qualquer um de nós faria.

publicado por Alda Telles às 20:05 | link deste post | comentar